Nascido na Nigéria e refugiado nos Estados Unidos, Tani Adewumi, 10 anos, se tornou um Mestre Nacional de Xadrez. Mas essa não é 1ª conquista do garoto. Dois anos atrás, ele já havia conquistado o primeiro lugar no campeonato de xadrez de Nova York.

Em 2017, Tani e sua família fugiram da Nigéria com medo de serem atacadas pelo grupo terrorista islâmico Boko Haram. Assim, passaram a morar em um abrigo para moradores de rua localizado em Manhattan.

O abrigo ficava em um distrito escolar com um programa de xadrez e, ao perceber que o garoto tinha talento, mas sua família não tinha recursos para pagar as aulas, a professora decidiu não cobrar as mensalidades de Tani.

nigeriano com troféus do campeonato de xadrez
Foto: UPSOCL

“Uma das coisas mais tristes nos países em desenvolvimento são as pessoas talentosas que acabam não tendo oportunidades na vida. Linda história a dessa menino”, diz um internauta ao saber da história do Tani.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *